Daminhas e pajens, dicas para a sua escolha e todas as informações

Postado por:CidaRamos em 5 ago 2012  

Tudo que você precisa saber sobre daminhas e pajens, como escolher, sobre o cortejo e todas as dúvidas.




Acredita-se que a presença dos pajens em cerimônias de casamento surgiu graças a função desse personagem na época da renascença: era uma criança nobre que servia ao patrão, preparando a mesa ou ajudando-o em grandes ocasiões.

No casamento, o pajem abre a cerimônia, tendo a responsabilidade de conduzir a daminha e levar as alianças. Geralmente elas são colocadas em almofadas, mas em cerimônias mais informais é possível levar até em um carrinho ou outro brinquedo.

Para evitar imprevistos, é recomendado que a criança tenha mais de cinco anos e tenha sido treinada antes. O traje deve combinar com o horário do casamento: se ele for de noite um smoking do mesmo tom da roupa do noivo, se for de dia ou de tarde não é necessário o paletó. É possível adicionar acessórios como uma rosa na lapela ou um lenço. Mas lembre-se: a criança deve ficar confortável acima de tudo!

Muitos se perguntam se a criança precisa ser parente. Não necessariamente, pois muitas vezes é difícil achar alguém no perfil, o mais é importante que ele seja alguém próximo ao casal, para deixar a cerimônia mais natural.

 E quanto à quantidade?
O recomendado é um para cada daminha, para formarem casais. Mas cuidado com o exagero! Tente não ultrapassar de três pares, para que o altar não fique muito cheio.

Quem paga a roupa da daminha ou pajens?

Antigamente, os noivos convidavam quem queriam como pajem/dama e quem pagava o aluguel das roupas eram os pais dos mesmos (e não os noivos). Esse gesto era entendido como uma gentileza e, até mesmo, presente dos pais de damas/pajens para os noivos. Os noivos forneciam somente os acessórios (luvinhas, sapatos, arranjos, buquê). Muitas pessoas ainda optam por essa via.

Atualmente, não há uma regra rígida mas o que costuma acontecer é  que os noivos considerem esse custo no orçamento do casamento. A situação fica mais fácil de lidar dessa maneira. Afinal de contas, quem está casando? De quem é essa celebração? A grande vantagem dos noivos pagarem pelas roupas das daminhas/pajens é poder escolher tudo aquilo que almejam, sem restrições (de acordo com o próprio orçamento, claro).

Escolhendo as daminhas e pajens

O número de pajens e daminhas pode variar de uma a oito crianças, mas tenham cuidado na hora de escolhê-las, se forem muito pequenas poderão chorar, emburrar e até mesmo não querer entrar. Prefiram as crianças maiores de cinco anos com as quais vocês tenham bastante contato e que possam entender a importância de sua tarefa durante o casamento.

Quem leva as alianças

Quem leva as alianças é o pajem. Elas podem estar presas em uma almofadinha apropriada ou podem estar sobre uma pequena bandeja de prata. Ao chegar ao altar ele as entrega ao noivo que irá colocá-las sobre o altar (ainda presas na almofadinha ou sobre a badeja).

A daminha leva um pequeno buquê ou uma cestinha de flores. Quando não houver crianças, o noivo deverá levar a caixinha com as alianças no bolso do paletó.

Trajes, tecidos e cores

O traje varia de acordo com a idade das crianças, estilo do casamento, estação do ano, horário e grau de formalidade da cerimônia. A noiva deve oferecer-se para pagar a confecção ou aluguel, portanto, cuidado para não exagerar na quantidade de crianças!

O traje das daminhas deve estar em harmonia com o vestido da noiva, o que não significa que deva ser o mesmo modelo.

Os vestidos devem ser iguais e podem combinar com a cor predominante da decoração da igreja ou com algum detalhe do vestido da noiva. Se o vestido dela tiver nuanças de rosa ou azul, por exemplo, as meninas usarão estas cores em um tom mais forte, ou ainda, vestidinhos brancos com faixas coloridas na cintura.

Para o inverno, prefira tecidos mais encorpados como o tafetá e o veludo. Já nos meses mais quentes, organza, renda, algodão, entre outros.

Os sapatos das daminhas podem combinar com a cor do vestido ou dos detalhes.

Para enfeitar os cabelos escolha entre: guirlandas de flores de tecido, botões de mini-rosas, fitas prendendo os cabelos longos ou delicadas fivelinhas.

Em uma cerimônia formal os meninos poderão usar terno escuro, camisa branca, meias pretas e sapatos pretos de pelica. Há ainda diversas outras opções mais simples que poderão ficar muito bem.

Se houver apenas damas adultas (amigas da noiva), veja algumas opções:

• Todas usando o mesmo modelo e cor de vestido;

• Todas usando o mesmo modelo e cores em diferentes tonalidades.

• Todas devem levar buquês iguais.

O cortejo

Existem basicamente duas possibilidades:

1 – Ao som de uma música previamente escolhida para isso, entra o cortejo de daminhas e pajens e chega ao altar. Só então ao som da música escolhida para entrada da noiva, ela entrará acompanhada pelo pai.

2 – Ao som da música escolhida para a entrada da noiva, entra o cortejo de daminhas e pajens. A noiva e seu pai entram três passos atrás.

Obs. 1: Embora a segunda opção seja bastante utilizada, recomendamos a primeira. A justificativa é simples: Se as crianças entrarem junto com a noiva, além de desviarem a atenção dos convidados durante a entrada dela, ficarão bem em frente ao seu vestido na hora das fotos, escondendo os detalhes.

Obs. 2: Evite deixar a entrada do pajem para a hora da bênção das alianças. Além de atrapalhar o andamento da cerimônia, a espera deixaria a criança extremamente ansiosa.

Se houver daminhas e damas (meninas acima de 12 anos), as maiores devem entrar logo atrás das menores levando também pequenos buquês.

Se houver apenas damas adultas, deverão entrar em pares e poderão se posicionar nos primeiros bancos da igreja para que não fiquem na frente dos padrinhos no altar.

Outras situações

Se houver mais de um casal de crianças, agrupe-os de acordo com a altura para que o visual fique mais harmonioso. Os menores na frente e os maiores atrás.

O primeiro casal será formado pelo pajem que levará as alianças e pela daminha cuja altura for mais próxima da dele. Eles entrarão lado a lado, ele segurando a almofadinha e ela segurando um pequeno buquê.

Os demais casais entrarão 3 passos atrás do casal da frente. As meninas levam pequenos buquês.

Se houver também damas maiores ou adultas, estas entrarão aos pares, lado a lado, também agrupadas de acordo com a altura, todas levando buquês iguais.

Quando você tiver

Apenas uma daminha: ela entrará antes da noiva levando um pequeno buquê ou uma cestinha de pétalas. As alianças estarão no bolso direito do paletó do noivo. No altar ficará do lado esquerdo, próxima à noiva.

Apenas um pajem: ele entrará antes da noiva levando a almofadinha com as alianças. No altar ficará do lado direito, próximo ao noivo.

Dica:

Não convide só uma criança. Prefira, no mínimo, um casal ou duas meninas. Caso aconteça algum imprevisto e uma delas não possa comparecer (no meu casamento uma daminha ficou doente), será preciso fazer uma pequena alteração no cortejo, mas é muito melhor do que as portas se abrirem e não entrar ninguém. Janaína (São Paulo – SP)

 


Tags:, ,